24 maio 2008

Tem um Chico melhor que Nizan.

Muito tempo sem postar. Imperdoável. Mas para me redimir com meus leitores assíduos (você e mais um ou dois), reproduzo aqui um texto de um cara que cria e escreve como ninguém. Não, não falo de Nizan, Washington ou Mohallem. Trata-se de Chico, simplesmente Chico.

“Meus ombros se retesavam não pelo que eu via, mas no afã de captar ao menos uma palavra. Palavra? Sem a mínima noção do aspecto, da estrutura, do corpo mesmo das palavras, eu não tinha como saber onde cada palavra começava ou até onde ia. Era impossível destacar uma palavra da outra, seria como pretender cortar um rio a faca. Aos meus ouvidos o húngaro poderia ser mesmo uma língua sem emendas, não constituída de palavras, mas que se desse a conhecer só por inteiro.”

Estou na página 19, pela terceira vez. Já li outras duas vezes o “Budapeste” de Chico Buarque de Holanda. A maravilhosa história de um ghost writer carioca que se encanta pela palavra húngara. Um romance à altura do Chico de Roda Viva, Folhetim e tantas outras letras memoráveis. Como escrevi no quadro um dia desses numa aula daquelas: o mundo não começa quando a gente nasce. Para escrever um anúncio, não basta ler Nizan. Simples assim.

9 comentários:

adtudo disse...

Chico é o Bixo!

Anónimo disse...

Bah.
E pensar que esse livro faz parte da inha coleção "livros que comprei e nunca li".

Vou começar a ler hoje ainda :)

beijo

Kati

Igor™ disse...

Valeu pela dica!
Tenha uma ótima semana.

Abraço!

Geison disse...

Li!

Vale à pena também ler o "Estorvo", e o "Benjamin".
Sou fã de Chico a ponto de fuçar sebos atrás de vinis.
Coleciono tudo que acho. Ele brinca, tira onda com as palavras.

Fernando Palermo disse...

É isso, como disse o Robson no primeiro post, Chico é tudo. Para quem gosta de música, para quem viveu aqueles tempos de ditadura, ou mesmo para quem quer um dia escrever bem. Nem que seja um simples anúncio. Igor e Katy, vale a pena ler o Budapeste. É isso, Geison: Estorvo e Benjamin tb são ótimas dicas. Estorvo mais complicado, mas igualmente vale a pena. Abraços a todos e obrigado pela visita.

Rodrigo Vieira disse...

Grande Palermo, ótimo Blog, com certeza vai servir de inspiração para o meu. http://rodrigovieira.wordpress.com/

Dá uma passadinha lá e deixa uma dica ou outra

Abraço

adtudo disse...

E ae Profi - gostei do novo visual - muito mais interessante - poderia colocar um link do meu blog para seus leitores acessarem o meu tb não? o seu está no meu blog desde o início.
abraço

Cady disse...

eu e mais sete leram até agora.

arruma ali o texto. hahah


beijo!

Anónimo disse...

Oi Palermo, sou da primeira fase de PP da estácio mas ainda nao sou tua aluna (infelizmente, hehe).
Primeira vez que acesso teu blog e nao consegui mais parar de ler! Acabei lendo todos os textos e adorei! Caramba, meu sonho é escrever assim um dia, hei de conseguir. Qual é o segredo? Muita leitura? Parabéns e continue (por favor!) escrevendo e recheando mais ainda esse blog com textos legais e envolventes. A internet (e nós leitores)agradecemos!

Um beijo enorme, Luíza.