03 abril 2008

Descontinuando.

Dia desses um vendedor de equipamentos de informática me apresentou a um novo vernáculo, como diria um amigo professor. A frase era assim: Pois é, seria melhor você optar pelo Windows Vista, porque o XP será descontinuado. No mesmo dia, ouvi de outra pessoa: Você não pode mais assinar a revista Pasta, ela será descontinuada. Será que o gerundismo está dando lugar a uma nova mania? Imaginem a cena: "A partir de hoje, o senhor será descontinuado em nossa empresa". Ou, "não dá mais, eu quero descontinuar nossa relação".
Pois é, se você ainda não ouviu esta nova pérola da coleção Neologismos do Século 21, prepare-se. E trate logo de arrumar algumas boas frases para usá-la. Ou você correrá o risco de ser descontinuado do grupinho das pessoas moderninhas. Era isso. A partir daqui, este texto será descontinuado. Ponto final.

3 comentários:

Robson Vicentin disse...

oi meu professor, voltou a escrever, que bom mô quirido.
aguardo sua visita no meu blog. Vou descontinuar o assunto por aqui... abraço

Rachel disse...

Meu Deus. Esse "descontinuar" é o novo "vamos estar passando a ligação"?
IAUHaIUHaIUHAIUhAIUhaIuhaIuhAIUHA

Raquel =]
;*

Geison disse...

Já ouvi o tal verbo descontinuar.
Talvez simplesmente acabar seja pouco . Tenho ouvido com certa freqüência coisas como:

-Senhor, vamos "estartar" a partir de terça feira.
-Vamos estar dando o "riplai" pro senhor amanhã. (reply)
Outra pessoa de outra área da cidade:
-Ela sumiu e o amigo nem "tchum" pra ela. Nem "tchum"!

Enfim, os técnicos de venda que se entendam. As figuras de cada esquina também. ;) hehehe